Curta a página no facebook

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

São Paulo 458 anos

São Paulo 458 anos

Hoje aniversário da cidade de São Paulo.

Visto preto.

Visto luto.

                Luto por todas as àrvores sãs que cortam sem motivo, ou porque as folhas caem na calçada e dá trabalho, ou porque a paisagista da prefeitura não gosta, ou para fazer mais uma vaga de estacionamento.

                Luto pelos que estacionam carros na calçada e acham que é correto, pelos jovens que ocupam as vagas de idosos nos estacionamentos de supermercados, shoppings e afins; pelos estacionamentos e pontos comerciais que fazem da calçada extensão de seus domínios.

                Luto pelos rios e corregos da cidade, que não estão morrendo, estão mortos.

                Luto pelas pessoas que usam mochilas nas costas nos corredores de metrôs e ônibus lotados e ainda assim se acreditam educados. O mesmo para as moçoilas com bolsas enormes  que enfiam à cara das pessoas sem se importar com quem está ao lado. Aliás, luto pelo transporte público sucateado, porque pobre não tem vez, melhor abrir uma nova avenida para mais carros que um corredor de ônibus, e assim melhor o trânsito, não o transporte, luto pelo descaso com a população.

                Luto pela vergonhosa câmara de vereadores; luto por quem vota em celebridades, sejam artísticas, instantâneas ou religiosas. Luto por quem cai em artimanhas políticas que apresentam candidatos antigos como se fossem novos, e pior ainda, como tábua de salvação.

                Luto pelas faixas táteis do terminal de ônibus da estação Santa Cruz do metrô, onde  a faixa de piso táctil (para cegos) leva a uma coluna, sai de trás daquela e leva à... Outra coluna.

                Luto pela falta de espaços onde o cidadão possa se apropriar deles, luto pela falta de parques, luto pela progressão escolar, que desmoraliza e desincentiva ainda mais os professores.

               Luto pela arrogância e preconceito.

               Luto pelos engarrafamentos por falta de transporte público de qualidade.

          Luto pelo metrô que segue por bairros nobres e menos populosos, mas que dão maior visibilidade que bairros populosos como o Jardim Miriam que está há poucos quilômetros do Jabaquara o que facilitaria sua inclusão no transporte público de maior qualidade.

                Luto pelas salas de cinema fechadas.

          Luto pela falta de ciclovias, pela falta de banheiros públicos decentes que evitariam a fedentina no centro.

                Luto por um teatro municipal que só é “municipal” no nome já que não serve ao povo.

                Luto pela maioria das pessoas não se importar.

                Luto por jornais que fazem campanha contra censura e demitem pela mesma causa.

               Luto pela violência, luto por policiais que fardados passeiam pela Av. Paulista e peitam e dão ombradas em transeuntes por serem “a lei”. E esquecem que por isso mesmo deviam dar exemplo.
                 
                Luto pela falta de cordialidade, de educação.

                Que o luto em sinal de pesar tenha a força de luto do verbo Lutar.

11 comentários:

  1. O Aniversário de Nossa Querida Cosmopolita Cidade de São Paulo, capital do Estado maior produtor de riquezas e arrecadador do País, é uma boa oportunidade para, além das festivas comemorações, apresentar suas mazelas (decorrentes do progresso sem planejamento ou plano diretor, que anteveja as necessidades de acompanhamento do vertiginoso crescimento da "Cidade que não para") através do Grito de Luto do Blogueiro-Escritor Djair Souza, que nos convida a nós, paulistanos, a lutarmos por melhor qualidade de vida e cuidados com a "Cidade que tanto AMAMOS". PARABÉNS SÃO PAULO, onde há muito o que melhorar !!! *Y*M*

    ResponderExcluir
  2. PARABÉNS!! Djair Souza pela crônica que tão bem retrata as mazelas de nossa aniversariante cidade de São Paulo. *Y*M*

    ResponderExcluir
  3. Querido Djair comparto esse LUTO aqui tambem onde os direitos do povo sao pisoteados sob a sola dos poderosos...dos mal educados...dos prepontentes...dos irresponsáveis e por aí vai.
    Faço minhas tuas palavras tao bem expressadas que traduzem o que nos vai na alma...obrigada por ser nosso porta voz.
    Beijo grande com muito carinho e respeito...Soni@

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Sonia, sei que a falta de respeito é generalizada mundialente. É essa a melhor tradução da globalização. Por isso tanto me irrito com expressões como: "Só aqui..." "isto é Brasil", geralmente utilizada por gente que não lê jornal, que não conhcece de ver, ouvir, ou ler o que se passa fora. E se auto-descrimina o tempo todo achando que tudo lá fora é melhor... Triste credulidade...
      Obrigado,
      Bjs

      Excluir
  4. Brilhante!!! Você é sempre preciso na palavra. Que na luta de cada dia conquistemos pequenas grandes vitórias frente a tantos desafios, tanto a ser feito e mudado. Que honremos o luto vivido até aqui e doravante lutemos.

    ResponderExcluir
  5. perfeito amigo...estamos mesmo de luto :( muito triste tudo isso.....parabne s pelo lindo texto

    ResponderExcluir
  6. Um texto lindo e triste...isso é o q estão fazendo c/ a nossa cidade...
    Mas, apesar de tudo, eu ainda acredito no povo dessa cidade que, apesar de tudo que está escrito aí em cima, ainda é solidário, ainda se importa...
    Graças a Deus os que acham "linda" a situação atual são a minoria, embora sejam a maioria no poder...

    bjss

    Sil

    ResponderExcluir
  7. Dja, concordo com seu luto e partilho dele, de certa forma. São Paulo realmente é e tem tudo isso que vc detalhou, e muito mais. Pro bem e pro mal. Mas São Paulo é reflexo das pessoas que vivem aqui... Pessoas como as que vivem em qualquer parte do planeta, feitas de carne, osso, defeitos e qualidades. É o caos no transporte público: sim, este já deveria ter sido expandido há muito tempo, é fato. É caos no trânsito: sim, sou contra a redução de imposto pra comprar carro zero. Não acho que seja a melhor forma de manter a economia aquecida, entupindo ainda mais o país (e São Paulo, claro) com carros nas ruas. É o caos na educação: sim, a das escolas e a que deveria vir de berço. É o caos na política: sim, como o país todo; em todas as esferas há podridão e somos nós (sim, fazemos parte dessas pessoas) que votamos neles... Mas São Paulo é uma cidade que também possui gente boa, gente solidária, gente que acolhe quem chega, gente que chega e se integra à cidade, gente que quer sair mas não consegue melhores condições fora daqui e fica, contribuindo de alguma forma para a cidade... Gente que se indigna e sai às ruas em oposição à violência contra os animais. Gente que não tolera mais o preconceito, de todo e qualquer tipo e que usa as redes sociais para mostrar fotos de quem desrespeita as leis. Gente que se indigna com as ações de uma polícia truculenta, seja na cracolândia, na Usp, ou até numa reintegração de posse fora da própria cidade. E gente que só pensa na novela e no bbb... Gente que é a favor da preservação do meio ambiente e contra as sacolas plásticas nos supermercados. Gente que também é contra as sacolas, mas também pensa nos que ficarão sem emprego com a “possível extinção” destas. E gente que apenas pensa que não terá mais sacolinha “de graça” para ensacar seu próprio umbigo, ops, digo seu próprio lixo. Penso no luto que vc escreveu e prefiro o do verbo. Ainda acredito nas pessoas. Gostaria apenas de acreditar nas boas, mas acredito que tem muita gente que não é boa e que ficará pior, em São Paulo, São João, São Francisco e São Sebastião... fato. São Paulo não é um mar de rosas e está longe de ser, não é cor de rosa, mas também não gosto de enxergar tudo cinza... Li uma vez que devemos viver sim o luto, mas devemos saber a hora de deixá-lo e seguir em frente... lutar. Acho que as pessoas que se expressam, se indignam e compartilham isso já o estão fazendo (como vc!) bjs

    ResponderExcluir
  8. Acho São Paulo é um reflexo da administração federal, mas apesar de seus problemas a cidade ainda consegue ser o motor do país.

    ResponderExcluir
  9. Não só São Paulo,mas todo Brasil está de luto(desde que eu me conheço por gente).Nada muda nessa país,a não ser pra pior.Vergonha!Uma das maiores economias mundial,desprezar seu povo desse jeito.A omissão perante aos que fazem esse país crescer e aparecer no cenário mundial.Nada funciona;somos recordistas em arrecadação de impostos e o que temos de volta?Nada!
    Vivemos em um país que para os olhos estrangeiro,está crescendo,enriquecendo,e realmente está.Mas infelizmente,a população não sente isso,ou pelo menos,não está saboreando a fatia do bolo,inclusive este,do aniversário da cidade de São Paulo.
    Beijão,Djair!Dani.

    ResponderExcluir